domingo, 17 de outubro de 2010

31 semanas

- A minha pequena instrutora de postura dá-me chutos nas costelas se estou numa posição mais encolhida.
Já deu a volta. Do alto da minha extrema sensibilidade não dei por nada e a ecografia foi uma surpresa.

- As aulas de preparação para o parto:

Histérica e ansiosa como sou, comecei antes da maioria das pessoas: há um mês.
Descobri que há uma visão ainda mais cómica do que aquelas mães que se arrastam atrás das filhas grávidas para as consultas apenas para ouvirem o tempo todo o quanto estão desactualizadas. Se há coisa fora do contexto são os papás a simularem uma contracção e a acompanharem nas respirações. Não sei se todos os cursos são assim, nem me interessa, vou falar apenas deste e do meu ponto de vista, como sempre.
Ora, nunca um homem vai ter a mais remota ideia do que é estar grávido. Nem precisa, os homens têm outras funções.
Eu evito certas comidas porque já sei que a moça fica com soluços. Ter um ser dentro de nós a soluçar não é partilhável por mais mãozinhas na barriga que o papá possa meter. 
Eles estão ali deslocados e se não fosse cómico seria doloroso assistir. Sim, acho que devem estar informados pelo menos para não atrapalharem com - ainda mais -  perguntas descabidas, mas poupem-nos ao resto. A eles e a nós.
Para os integrar no trabalho de parto eles são convidados a contar os minutos das contrações ou a marcar o ritmo da respiração. Agora imaginem-se durante horas em casa, ou na maternidade com o vosso corpo a dilatar desde a medida de uma moeda de um euro até aos dez centímetros de diâmetro, a ganir de dores. E o outro a tratar da contabilidade.
Conseguem imaginar função menos importante no momento em que o nosso filho se prepara para vir ao mundo?

12 comentários:

Anónimo disse...

Acredito q p ti, e p mta gente q conheço, a presença de quem tb "tem culpa no cartório" para aquelas horitas mais puxadas estarem a acontecer, não seja mto relevante.
A sério, acredito mesmo. Especialmente p aquelas mulheres q sabem que o seu exemplar de sexo forte lá de casa iria sentir-se indisposto e ainda atrapalhar mais que ajudar.
No meu caso, o Nuno não esteve ali a fazer contagens nem outro tipo de tretas. Esteve ali. Era isso q eu queria. Sabia q se passa mto tempo sozinha numa sala e aquela pessoa, por mais atrapalhada e nervosa q estivesse, se me visse mto mal, trazia um médico arrastado nem que estivesse a fazer um outro parto! E isso deu-me segurança e mais calma para aguentar tudo. Tudo o que pudesse vir, e que era desconhecido para mim.
É verdade, não me tirou a dor. Mas tb me ajudou a não entrar em pânico, o que é fundamental. Pq como a minha querida Pio diz, "um parto é mto psicológico, tb".
E o facto de a minha irmã ter andado por lá a cirandar, e ter também podido assistir....foi a cereja no topo do bolo.
Entendo perfeitamente o q disseste, miga. Mas se der, leva ctg alguém em quem confies. Dp falamos...
Adoro-te.
Já tou desejosa de ver a tua miniatura!!!
Bjs!!
Iolanda.

I disse...

Então se calhar também levo o Nuno. ;)

Coisas Boas disse...

Também te posso emprestar o Luís???...
Concordo com a Iolanda!...leva alguém que te faz sentir bem. leva alguém te apazigúe a ansiedade. Que te transmita calma. leva alguém que te ame.
Queres que vá contigo???....

Coisas Boas disse...

Lembrei-me agora…queres ir ter comigo e com a Iolanda à SFUAP???... Às vezes vai a Joana e no outro dia estivemos as três com a Marisa. Foi o máximo.
Gostava muito de te ver. Se não der para ti, ligo-te a combinar outro dia. Beijo Linda…às duas!

Anónimo disse...

AHAHAHAHAHAHAHAH!!!!
Leva pelo menos essa boa disposição. Já é meio caminho andado....
Bj!!!
Iolanda.

I disse...

kakakaka
Aquela conversa toda é mesmo sobre o que senti nos pais que vão assistir a tooooodas as aulas de preparação. Sobre a hora H logo vejo e, para já, só estou a contar comigo mesma. E chega, esquizo como estou, tenho várias personalidades para me ajudarem.

Anónimo disse...

Estranho...onde andei os pais foram apenas a duas aulas...de facto...ir a todas...GRANDA SECA!! Para nós e para eles!!!
Claro sb a hora H, tu é q mandas. A nossa é uma mera opinião de quem já passou por isso.
Qto a ires à SFUAP ter connosco, se tiveres disponibilidade e vontade de estar uma horinha connosco no bar, manda sms que digo dias e horas em que lá estamos por causa dos nossos putos!!
Bj mt gde!!
Iolanda.

L.R. disse...

O Ricardo assistiu a quase todas as aulas pré-parto, só deve ter falhado 1 ou 2. Na hora "h" foi importante para mim saber que ele lá estava, mas às tantas esqueci-me de respirar, de contar, de fazer o que quer que fosse e acho que ele também. Esqueci-me também que ele lá estava e o resto do mundo que estava na sala de partos. É para fazer força? Então bora lá que já estou farta disto! Foi fechar os olhos e toca a andar!

I disse...

Lénita: tu devias DAR aulas de preparação para o parto. Quem inicia trabalho de parto no início de um jogo de futebol e dá à luz no intervalo, está noutro campeonato.

Anónimo disse...

Vês miga.....cada um caso é um caso, e tu terás o teu tb para dp contar....!!
N me esqueci de respirar, pensei mt no bébé como ensinam, e foram à volta de 7h dentro da box do bloco de partos. Foi muito bom ir conversando com o Nuno, que me fez o favor de fechar a porta qdo comecei a ouvir uma rapariga a gritar desalmadamente. E me molhou por duas vezes a toalha com que me molhavam os lábios (pq n se pode beber água...)a qual eu suguei sofregamente.....um consolo.
E na hora H, ainda perguntei à médica, força como se fosse fazer abdomináis, ou como se estivesse a fazer cócó? Dp de me responderem q era a 2ª opção a correcta, o Rodrigo nasceu, à minha 3ª tentativa (sp fui pior a fazer cócó q a fazer abdominais, sabes disso...).
Portanto vês......o facto de ter corrido tão bem em termos de controlo obviamente não significa que se houver uma segunda as coisas não sejam diferentes.....mas tens de pensar que o q aprendes vai servir para algo....senão nem vale a pena ires. Pode servir, certo?
A Patrícia fez preparação de novo para o 2º filho, e o Tiago até nasceu de cesariana dp daquele tempo todo com contracções, lembras-te?
Tudo depende de ti.......da tua reacção à dor, do andamento de todo o processo.
E vai tudo correr mto bem.
Bjs!!!
Iolanda.

L.R. disse...

Verdade, é muito jogo! São coisas que não se explicam e foi melhor isso do que ter tempo de levar epidural e ficar à seca... é que isso é que não estava mesmo com nada, sou uma despachadita. Isso não vai lá com aulas, ou se nasce para parir ou não!

Anónimo disse...

Como tu pp disseste na 5ªfeira I., o que ouviste até agora nas aulas já valeu a pena. É essa a idéia. Obviamente q n te vão ensinar a ter um bébé, nem poderiam. As situações nunca são idênticas! O que interessa é q fiques com uma idéia de como vai ser, o q é frequente acontecer, o q nas pessoas mais ansiosas, ajuda mt. Dp como disse a Patrícia, institivamente já sabemos fazer aquela respiração rápida. Está-nos nos genes. Todas as mulheres vêm pré-preparadas p ser mães. A umas custa mais, a outras menos. Mas a Natureza é de facto extraordinária. Vais ver.
E há-de acontecer-te como a mim, q estava apreensiva com a hora H, e dp foi bem mais fácil do que sp imaginei!!Tu tb conheces bem o teu corpo, foram mtos anos....!!Assim q te disserem p fazeres força.....aí vem ela!!!
Bj mt gde p ti e Diana!!
Aparece lá na ginástica, foi demais!
Iolanda.

acerca da menina