domingo, 10 de agosto de 2008

Paparrra

Eu também gosto e concordo que fica no ouvido, mas não deixa de ser irónico o "Rap da Armas" ser a música de fundo das festas glamour e fashion das tiazocas da nossa praça (pelo menos). Elas pelam-se por abanar os corpinhos malhados e lipoaspirados ao som da música da favela.
E estas festas são óptimas, mais animadas de cada vez que visitam o WC. Pagam pela animação ao mesmo tempo que financiam o tráfico, a compra de armas e a criminalidade de que tanto se queixam quando visitam a Cidade Maravilhosa de onde vem o beat que as faz vibrar.
clac BUM!

2 comentários:

Patrícia disse...

miga do meu coração...sei quem é o mulder, apesar de não ser das séries que mais me marcou!
o Quem a que me estava a referir, era à besta que empregou a outra besta!!!Certo???
como estás, linda?
Eu de férias...a acabar!!!e o tempo esta porcaria.
beijinhos

la sevilhana disse...

Oy guapa!

No tengo ni idea de lo que hablas...por estas bandas ainda não chegou...

Bj

acerca da menina