domingo, 28 de outubro de 2007

Elas foram jantar ontem

Não pude ir, tinha trabalho. Fiquei triste. Tenho saudades delas, da histeria quando estamos juntas, de dizer obscenidades aos gritos e de fazer ainda pior se alguém nos está a ouvir ou a ver. De relembrar pela milésima vez as peripécias de muitas viagens e pelo mundo e pela vida que tivémos juntas.
Ainda hoje não sei bem o que fazer quando estou em casa nos dias em que haveria treino, nunca recuperei da vossa perda...
Foi por isso que enviei aquele mail, por despeito (vá sim, riam-se e fazam trocadilhos sobre como o despeito em mim é uma utopia, eu espero que párem de rir e gozar....). Doeu-me e senti como uma desconsideração. Não pude ficar calada. É que entretanto também perdi aquela coisa de olhar para algumas com aquela admiração incondicional. Sim, nós as mais novas sempre olhámos para vocês lá no alto com aquele medo de como seria no dia em que entrássemos na rítmica de grupo. Havia aí também uma certa autoridade que vos reconhecíamos e, ao crescer e evoluir transformámos isso em respeito, confiança, respeito, proximidade.
Já sei que estou a exagerar e que vão haver mais jantares, mas doeu.
Já disse que vos adoro?

3 comentários:

Inês disse...

Eu sei o que é isso,sinto o mesmo em relação às minhas dançarinas. :)

Patrícia disse...

Linda...sentimos tanto a tua falta!
És uma das grandes. conquistaste o teu lugar. Jantar sem ti não é o mesmo!!!
A Pio também te adora...
Beijo
E foi o jantar de 1998. Vai haver o de 1999,2000,2001,2002,2003,2004,2005,2006,2007...

Pat d`Almeida disse...

fiMinha linda...
O jantar foi giro, rimos, dissemos baboseiras, fizemos as palhaçadas do costume e estavamos felizes. Felizes por estarmos juntas e estamos tão crescidas... Já somos umas mulherzinhas! O tempo passa a voar...e nós não mudámos nada. Sentimos a tua falta e falamos nisso, mas não te babes!
Beijos.
Também te adoro!

acerca da menina